Secult Ba inicia curso de Formação para Conselheiros Municipais de Cultura de Santa Terezinha e Itatim

 

Com o objetivo de formar os conselheiros para atuar de forma efetiva nos municípios, na implementação e consolidação dos Sistemas Municipais de Cultura de acordo com as normas e princípios de gestão do Sistema Nacional de Cultura (SNC) e Sistema Estadual de Cultura (SEC), deu-se início ao Curso de Formação para os Conselheiros Municipais de Políticas Culturais de Santa Terezinha e Itatim, no Território de Identidade Piemonte do Paraguaçu, realizado pela SECULT, em parceria com os Municípios e, ministrado pela RTC – Representante Territorial de Cultura – Neilde Cardoso. O curso será desenvolvido em até quatro meses, totalizado uma carga horária de 85 horas, em regime de 8h de atividades presenciais e, 4h de atividades extras, pesquisas e estudos e composto por 7 (módulos) de aprofundamento: I -Territórios de Identidade, Redes e Consórcios; II- Cultura e Municipalização. Legislação e Sistemas de Cultura; III – Política, Gestão, Cultura e Democracia; IV- Conselhos de Cultura, Participação, consulta e controle social; V – Economia da cultura, economia criativa, fomento e financiamento da Cultura; VI – Diversidade Cultural: reconhecimento, proteção, promoção e Educação Patrimonial; VII – Planos de Cultura, Planejamento e orçamento na gestão pública da cultura.

Esse momento será de grande importância para a atuação enquanto Conselheiros de Cultura, o curso está oferecendo informações que antes não tinham conhecimento, o mesmo já está motivado a continuar nesse espaço democrático que é o Conselho, afirmaram os Conselheiros e na oportunidade,  fizeram agradecimentos à SECULTBA e aos Dirigentes de Cultura de Itatim e Santa Terezinha por proporcionarem esse espaço de aprendizagem.

O próximo encontro será dia 29 de setembro, em Santa Terezinha e, dia 01 de outubro em Itatim onde farão discussão acerca da Cultura e Municipalização, Legislação e Sistemas de Cultura;

Boa Vista do Tupim avança no Sistema Municipal de Cultura e escolhe as representações da sociedade civil para composição do Conselho Municipal de Cultura. 

Nessa manhã de quarte-feira, 16/09, reuniram-se na sede da Diretoria Municipal de Cultura, representantes dos mais diversos seguimentos da sociedade civil, que tiveram a tarefa de escolherem seus representantes para compor o Conselho Municipal de Políticas Culturais.

Após um bate papo entre os participantes e a Assessora Especial do Gabinete, Iana Fraga, que esclareceu dúvidas e explicou o que era o Sistema Municipal de Cultura, os participantes tiveram a orientação da Diretora Municipal de cultura, Isis Fraga, para que procedessem a escolha.

Dessa forma, foram escolhidos os 7 representantes titulares e os 7 suplentes que representaram a sociedade civil nesse importante instrumento de promoção das políticas públicas culturais .

Fonte: PREFEITURA MUNICIPAL DE BOA VISTA DO TUPIM
Diretoria Municipal de Cultura
A prefeitura trabalha pra você viver melhor

 

Mapa Musical da Bahia abre sua 4ª chamada
Mapeamento tem como objetivo identificar a atual produção nos 27 Territórios de Identidade do estado. Agentes podem se cadastrar a partir de 14 de setembro

                                                                                                              

O Mapa Musical da Bahia abre sua 4ª chamada, convocando novos interessados em integrar a rede que objetiva identificar, valorizar e promover a diversidade criativa da Música em todo o estado, reconhecendo a produção autoral de arranjadores e compositores que atuam nos 27 Territórios de Identidade. Para participar, o candidato deve ser artista da música, que atue no estado há pelo menos dois anos e que produza trabalho autoral. As inscrições serão abertas no dia 14 de setembro de 2015 (segunda-feira) e seguem até 15 de março de 2016, através do sistema online (www.fundacaocultural.ba.gov.br/mapamusical/inscricao) ou via material físico a ser enviado pelos Correios, conforme regulamento.

O Mapa Musical da Bahia é uma iniciativa da Coordenação de Música da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB), entidade vinculada à Secretaria de Cultura do Governo do Estado (SecultBA). Criado em 2012, o projeto visa suprir uma lacuna de informações relacionadas ao setor, bem como manter um diálogo aberto e constante entre a sociedade civil e o estado, permitindo a elaboração de estratégias de ação em resposta às demandas apresentadas.

Desde seu início, em 2012, o Mapa Musical da Bahia mantém uma plataforma de difusão da produção musical autoral da Bahia, com informações que podem ser acessadas por pesquisadores, produtores, curadores, críticos e público. O Portal Mapa Musical da Bahia está no ar desde agosto de 2013, apresentando uma rádio online com obras que foram indicadas por uma curadoria especializada nas chamadas realizadas em 2012 e 2013. No total, foram 518 compositores e músicos inscritos e 995 obras cadastradas em 2012. Já em 2013, na segunda chamada, foram mais 198 inscritos e 372 obras. Em 2014 198 pessoas se inscreveram e 366 obras foram inscritas. Em três anos de Mapa Musical, foram mapeados 904 artistas e 1.733 obras musicais da Bahia.

Parcerias

Ao longo dos últimos três anos, a Coordenação de Música da FUNCEB contribuiu para a difusão e fomento da cadeia produtiva da Música ao estabelecer parcerias com a Rádio Educadora FM e a Diretoria de Audiovisual (DIMAS/FUNCEB), através da produção e veiculação de programas de rádio com artistas cadastrados e da realização – dentro da programação do Festival 5 Minutos – de oficinas de produção de videoclipe, tendo como objeto obras contempladas nas chamadas

anteriores. Nesse período, a Coordenação de Música da FUNCEB também deu início à produção da primeira coletânea de discos do Mapa Musical da Bahia, com o objetivo de distribuição nacional e internacional.

Serviço:

 

Portal Mapa Musical da Bahia
www.fundacaocultural.ba.gov.br/mapamusical
Cadastro online, documentos, regulamento e orientações:
www.fundacaocultural.ba.gov.br/mapamusical/inscricao
Mais informações:
Coordenação de Música da FUNCEB | musica.funceb@funceb.ba.gov.br |

(71) 3324 8524 ou (71) 3324 8526, de segunda a sexta, das 14 às 18h

Realização: Dirart/ FUNCEB/ SecultBA

------------------------------------------------------

Assessoria de Comunicação

Fundação Cultural do Estado da Bahia – FUNCEB

asc.funceb@gmail.com | (71) 3324-8565

Claudia Pedreira – claudiapedreirajornalismo@gmail.com | (71) 8879-7994

www.fundacaocultural.ba.gov.br

 

 

 

 

Conheça os editais em aberto do Ministério da Cultura (MinC) e instituições vinculadas. 
 

Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural (SCDC) e Secretaria do Audiovisual (SAv)

Edital Pontos de Cultura Indígena - inscrições até 16 de setembro

 
Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural (SCDC)

Edital de Fortalecimento das Redes Municipais de Pontos de Cultura - inscrições até 5 de outubro

Secretaria do Audiovisual (SAv)

Edital de Fortalecimento do Sistema Nacional de Cultura - inscrições até 5 de outubro

Secretaria de Economia Criativa (SEC)

 

 

Conexão Cultura Brasil#negócios MC2016 - inscrições até 23 de setembro

Secretaria de Fomento e Incentivo à Cultura (Sefic)

 

Edital de Intercâmbio - Inscrições até 16 de setembro para viagens a partir de 10 de novembro e até 8 de outubro para viagens a partir de 15 de dezembro

Diretoria de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas

 

Instituto Brasileiro de Museus (Ibram)

 

Prêmio Darcy Ribeiro - inscrições até 23 de outubro

Chamamento Público para Implantação e Fortalecimento de Sistemas de Museus - inscrições até 23 de outubro

Chamamento Público Modernização de Museus - inscrições até 23 de outubro

 

Sobre o Fundo Nacional da Cultura (FNC)

Os recursos para pagamentos das premiações dos editais desta página são oriundos do Fundo Nacional da Cultura (FNC), criado pela Lei 8.313/1991, a Lei Rouanet. Ele deve garantir a oferta de apoio financeiros em linhas de incentivo que se comprometam com a descentralização regional, setorial e estética, abarcando as mais variadas expressões culturais brasileiras, potencializando toda a rede produtiva e promovendo a liberdade de criação.
 
 

MinC lança editais de fomento à leitura

 

 
O Ministério da Cultura (MinC), por meio da Diretoria de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas (DLLLB), lançou nesta sexta-feira (11), às 16h, na Bienal do Livro do Rio de Janeiro, dois editais de fomento a iniciativas públicas e privadas que contribuam para a democratização do acesso ao livro e a promoção e valorização da leitura. Os editais, que somam um investimento total de R$ 3,6 milhões, foram publicados no Diário Oficial da União e podem ser consultados no link http://www.cultura.gov.br/noticias-destaques/-/asset_publisher/OiKX3xlR9iTn/content/minc-lanca-editais-de-fomento-a-leitura-na-bienal-do-livro/10883?. 
 
Os editais são Prêmio Todos por um Brasil de Leitores 2015 e Apoio ao Circuito Nacional de Feiras de Livros e Eventos Literários 2015. Ambos visam atender as demandas do Plano Nacional de Livro e Leitura em seus quatro eixos de atuação: democratização do acesso; fomento à leitura e formação de leitores; promoção e valorização do livro e seu valor simbólico; e desenvolvimento da economia do livro. As inscrições para os dois editais vão até 26 de outubro.
 
"O prêmio Todos por um Brasil de Leitores busca dar maior acesso ao livro, à leitura e à formação de profissionais que atuam nessa área. Já o edital de apoio a feiras de livros e eventos literários contribui para a construção da programação, privilegiando os profissionais do livro e da literatura", explica o diretor de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas do MinC, Volnei Canônica
 
Prêmio Todos por um Brasil de Leitores 2015
 
O prêmio visa reconhecer e apoiar projetos da sociedade civil realizados por pessoas físicas e jurídicas em bibliotecas comunitárias, pontos de leitura e ambientes sociais diversos de promoção da leitura. Outro objetivo é fomentar um banco de boas práticas e tecnologias que estimulem a criação de novos projetos e a ampliação da rede de instituições, profissionais e agentes que atuam no setor. Cada um dos 80 projetos premiados receberá R$ 30 mil, o que representa um investimento total de R$ 2,4 milhões.
 
Na edição 2015, serão selecionados projetos em duas categorias:
 
·         Boas práticas e projetos inovadores em bibliotecas comunitárias e pontos de leitura (50 projetos apoiados) 
·         Iniciativas de promoção da leitura em espaços não formais de leitura (30 projetos apoiados). 
 
Edital de Apoio ao Circuito Nacional de Feiras de Livros e Eventos Literários 2015
 
O edital é destinado ao apoio de feiras de livros e eventos literários existentes no País, com no mínimo duas edições realizadas, com vistas a ampliar e qualificar a programação cultural dos mesmos. A finalidade é contribuir para a consolidação de um calendário nacional e permanente de feiras e eventos literários nos municípios brasileiros e para a promoção e difusão da literatura brasileira, além de estimular a formação de leitores e o fortalecimento de empreendimentos do setor. A edição de 2015 selecionará o mínimo de 10 eventos a serem realizados entre março de 2016 e fevereiro de 2017.
 
O valor de apoio do MinC será entre R$ 80 mil a R$ 120 mil por projeto, com contrapartida mínima de 20% do proponente em relação ao valor total apresentado. O Investimento total será de R$ 1,2 milhão.
 
Fonte: Assessoria de Comunicação Ministério da Cultura
 

Concurso de Videoarte 2015 recebe propostas até 27 de outubro

 

A Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj) está com as inscrições abertas para o Concurso de Videoarte – 2015, que em sua 9ª edição irá premiar duas propostas que receberão, cada, um prêmio no valor de R$ 25.000,00 (vinte e cinco mil reais) para realização de projeto de videoarte. O Concurso de Videoarte é coordenado pela Diretoria de Memória, Educação, Cultura e Arte (MECA), e tem como objetivo estimular e reconhecer a importância da produção artística que utiliza o vídeo como suporte. Serão recebidas inscrições até 27 de outubro.

As inscrições são gratuitas e deverão ser realizadas, pelos proponentes ou seus procuradores, na Coordenação de Artes Visuais da Fundação Joaquim Nabuco ou via correios pelo sedex, até 27 de outubro de 2015, das 9h às 12h e das 14h às 18h.

Também será admitido o envio de inscrições pelos correios, via sedex, com data de postagem até o dia 27 de outubro de 2015.

>> O edital do concurso está disponível no site da Fundaj

Sobre a Fundação Joaquim Nabuco:

Ligada ao Ministério da Educação (MEC), a Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj) atua há 66 anos nas áreas de documentação, memória, difusão cultural, pesquisa social e formação lato e stricto sensu. Baseada na interdependência entre Educação e Cultura, a Fundaj desempenha atividades, prioritariamente, no Norte e Nordeste do País. Por meio de diagnósticos, auxilia ainda na elaboração e acompanhamento de políticas públicas nacionais e regionais.

Informações e Inscrições

Coordenação de Artes Visuais | Diretoria de Memória, Educação, Cultura e Arte – MECA

Fundação Joaquim Nabuco

Av. 17 de Agosto, 2187 – Casa Forte – Recife – PE – 52.061-540

Telefone: (81) 3073.6260

De 2ª a 6ª feira, das 9h às 12h e das 14h às 18h.

Endereço eletrônico: artes@fundaj.gov.br

 

Oficina de Orientação sobre o Edital Agitação Cultural é realizada em Boa Vista do Tupim

Aconteceu na manhã desta segunda-feira (14) a Oficina de Orientação sobre o Edital Agitação Cultural, que tem como objeto apoiar propostas de dinamização cultural em espaços públicos ou privados, no Estado da Bahia, através de ações que integrem uma programação regular de realização mínima mensal, por período mínimo de três meses e máximo de seis meses, em, pelo menos um, ou, no máximo, três espaços em diferentes municípios, envolvendo difusão, circulação e/ou formação em uma ou mais expressões artísticas e culturais, contribuindo para dinamizar a cena cultural, democratizar o acesso à fruição artística e promover a formação de públicos.

O encontro, promovido pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, aconteceu na Câmara de Vereadores do município de Boa Vista do Tupim, onde também contou com a presença de artistas e interessados do Município de Ibiquera. Na ocasião, foi apresentado o edital e seus anexos, o sistema Clique Fomento e o passo a passo de como elaborar um projeto cultural esclarecendo dúvidas e orientando aos participantes.

 

 

 

SecultBA realizará oficinas de orientação sobre o Edital de Dinamização de Espaços Culturais, no Território Piemonte do Paraguaçu

Salvador recebe etapa estadual das eleições do CNPC

Encontro, que será no próximo dia 12 na Biblioteca dos Barris, é decisivo para definir a quantidade de delegados baianos para os fóruns nacionais do processo eleitoral do Conselho Nacional de Política Cultural (CNPC)

ENCONTRO-PRESENCIAL-BAHIA-CNPC

A Etapa Estadual do processo eleitoral do Conselho Nacional de Política Cultural (CNPC) – 2015/2017 acontece na Bahia no próximo dia 12,  na Biblioteca Pública do Estado da Bahia, a partir das 9 horas. O encontro terá a presença do secretário de Articulação Institucional do Ministério da Cultura (SAI/MinC) Vinícius Wu e do secretário de Cultura da Bahia (SecultBA) Jorge Portugal.

Outras capitais já entraram na mobilização para as eleições do CNPC. Brasília (DF), Vitória (ES) e Teresina (PI) sediaram, no último dia 9 de setembro, os primeiros encontros presenciais do processo eleitoral para os Colegiados Setoriais e o Plenário do CNPC.

Os eventos fazem parte de mobilização organizada pelo Ministério da Cultura (MinC) para atrair os mais diversos segmentos culturais para o pleito. “Estamos buscando a ampliação do envolvimento da cidadania nos rumos do CNPC”, afirmou Vinícius Wu.

Os encontros definem a quantidade de delegados para a Etapa Nacional que um setorial em um estado (a Bahia, por exemplo) poderá eleger, de acordo com o número de participantes presentes.

Na Bahia, o evento é realizado pelo Ministério da Cultura (MinC) e pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA).

Programação

Em cada um dos encontros, os participantes poderão manifestar suas ideias para aperfeiçoar as políticas culturais e se inscrever no processo como eleitores (maiores de 16 anos) e/ou candidatos (maiores de 18).

De acordo com o diretor do Sistema Nacional de Cultura e Programas Integrados da SAI, Eduardo Mattedi, serão disponibilizados ao público terminais de acesso à plataforma digital na qual são registradas as inscrições na plataforma digital durantetodo o dia do evento.

Em Salvador, a abertura da Etapa Estadual será às 9 horas. Às 10h, haverá uma conversa sobre os editais de fortalecimento do Sistema Nacional de Cultura (SNC), com a presença do coordenador geral de Institucionalização e Monitoramento do SNC, Pedro Ortale.

O período da tarde, às 14 horas, está reservado para uma Roda de Conversa sobre o CNPC com os representantes do Ministério da Cultura, Vinícius Wu, da Secretaria de Cultura da Bahia, Jorge Portugal, da Fundação Gregório de Mattos e dos conselhos de Cultura Estadual e Municipal.

O Conselho Nacional de Política Cultural – CNPC é um órgão colegiado integrante da estrutura do Ministério da Cultura (MinC). Esse órgão tem como finalidade propor a formulação de políticas públicas, promovendo a articulação e o debate dos diferentes níveis do governo e sociedade civil organizada, para o desenvolvimento e fomento das atividades culturais no território nacional.

SERVIÇO

Etapa estadual CNCP – Salvador – Bahia

Horário: a partir das 9 horas

Local: Biblioteca Pública do Estado da Bahia

Endereço: Rua General Labatut, nº 27 – Barris, 3º andar – Sala Katia Mattoso

SecultBA inscreve para Agitação Cultural: Edital de Dinamização em Espaços Culturais até dia 01/10

 

Serão investidos R$ 15 milhões com recursos do Fundo de Cultura da Bahia

convite_agitacao_MARCA

Apoiar propostas de dinamização cultural em espaços públicos e privados é o objetivo do Agitação Cultural: Edital de Dinamização em Espaços Culturaisdo Fundo de Cultura da Bahia (FCBA), mecanismo de fomento gerido pelas Secretarias Estaduais da Cultura (SecultBA) e da Fazenda (Sefaz). O investimento será de R$ 15 milhões e contemplará ações de qualquer segmento cultural que aconteçam com freqüência mínima de uma vez por mês, em um período de três a seis meses, sendo o teto de apoio por proposta de R$ 150 mil. Os projetos devem ser realizados de janeiro a julho de 2016. As inscrições contemplam pessoas físicas e jurídicas e podem ser feitas até 1º de outubro, pelos sites SecultBA e SIIC.

“Nossa prioridade, este ano, foi pagar os valores de editais anteriores que estavam em aberto, e isso foi feito. Mas estávamos determinados a celebrar os dez anos Fundo de Cultura com novidades. Por isso, resolvemos ampliar o Edital de Dinamização de Espaços Culturais, com esse novo formato e investimento maior”, afirma o secretário de Cultura do Estado da Bahia, Jorge Portugal.

As propostas podem ser realizadas em espaços culturais convencionais – como um teatro, um museu, um arquivo público ou biblioteca – e também em espaços que funcionam ou possuem possibilidades reais para funcionar como centros e elos de difusão, fruição, formação e produção de conteúdos artístico-culturais, com ambientes capazes de abrigar ações culturais abertas à população, como shows, espetáculos, exposições, exibições audiovisuais, realização de oficinas, dinâmicas sócio-educativas de conteúdo cultural e outras atividades afins. Dessa forma, uma praça, um salão paroquial, um terreiro ou uma aldeia também poderão ser incluídos.

“A ideia é envolver todos os elos da cadeia produtiva da cultura. Através dessa circulação, queremos atingir os 27 territórios de identidade do Estado e, inclusive, fazer circular muito do que ajudamos a produzir através do Fundo ao longo dos últimos anos”, explica o superintendente de Promoção Cultural da SecultBA, Alexandre Simões. Um dos objetivos da seleção é contribuir para manter a vivacidade cultural e incentivar a utilização mais intensa dos espaços culturais do estado, em especial os gerenciados pela própria Secretaria. O investimento é dez vezes superior ao destinado ao edital Dinamização de Espaços Culturais do ano passado, fonte de inspiração para a proposta que incorporou um novo conceito de espaço cultural e novas formas de ocupação. “Os editais setoriais temáticos retornam em 2016”, informa o superintendente.

>> Acesse a página do edital

Parcela Única

As propostas do Agitação Cultural: Edital de Dinamização em Espaços Culturais envolvem iniciativas de baixo, médio e alto orçamento. Para que as produções disponham de lastro financeiro que garanta a ocupação dos espaços, o pagamento será feito em parcela única, após a assinatura do Termo de Acordo e Compromisso (TAC).

A SecultBA irá monitorar a execução das ações pactuadas e será gerada uma programação artística e cultural que merecerá todo o suporte de comunicação e divulgação em todas as regiões do Estado, estimulando o acesso e a fruição. A seleção buscará contemplar propostas nos 27 territórios de identidade. Caso não haja propostas inscritas ou pré-selecionadas suficientes para seguir esta regra, serão priorizadas as propostas melhor avaliadas, independentemente de território.

Culturas Populares e Incentivo a Ações Municipais

Além do edital Dinamização em Espaços Culturais, a SecultBA prepara dois outros importantes: de Premiação para Culturas Populares, voltado para mestres, grupos e entidades das culturas tradicionais e de Incentivo a Ações Municipais. Ambos ainda serão submetidos à Procuradoria Geral do Estado.

Mobilidade Artístico Cultural: inscrições até 07/09

As inscrições para a segunda seleção do edital Mobilidade Artístico Cultural 2015 estão abertas até o dia 07 de setembro. O edital recebe propostas de iniciativas de residência, de formação, de intercâmbio e de difusão artístico-cultural no Brasil e no exterior. O certame oferece suporte financeiro a artistas e promotores culturais selecionados possibilitando que tenham experiências em outros países e estados brasileiros. As atividades propostas devem acontecer entre fevereiro e abril de 2016, e as inscrições podem ser realizadas por meio de envio de documentação via Correios. No total, serão duas seleções em 2015, com o investimento de R$ 500 mil, via Fundo de Cultura do Estado da Bahia.

Fundo de Cultura do Estado da Bahia (FCBA) – Criado em 2005 para incentivar e estimular as produções artístico-culturais baianas, o Fundo de Cultura é gerido pelas Secretarias Estaduais de Cultura e da Fazenda da Bahia e tem como mantenedoras as empresas Oi e Coelba. O mecanismo custeia, total ou parcialmente, projetos estritamente culturais de iniciativa de pessoas físicas ou jurídicas de direito público ou privado. Os projetos financiados pelo Fundo de Cultura são, preferencialmente, aqueles que apesar da importância do seu significado, sejam de baixo apelo mercadológico, o que dificulta a obtenção de patrocínio junto à iniciativa privada. O FCBA está estruturado em 4 (quatro) linhas de apoio, modelo de referência para outros estados da federação: Ações Continuadas de Instituições Culturais sem fins lucrativos; Eventos Culturais Calendarizados; Mobilidade Artística e Cultural e Editais Setoriais.

SERVIÇO:

Agitação Cultural: Edital de Dinamização em Espaços Culturais do Fundo de Cultura da Bahia

Período de inscrições: até 01/10/2015

Investimento: R$ 15 milhões, sendo teto de R$ 150 mil por proposta

Todos os segmentos culturais

Onde: Espaços culturais nos 27 territórios de identidade da Bahia

 

Itaberaba recebe 2º Encontro de Dirigentes Municipais de Cultura do Piemonte do Paraguaçu

 

Itaberaba recebe 2º Encontro de Dirigentes Municipais de Cultura do Piemonte do Paraguaçu

Foto: Neilde Cardoso

Com o objetivo de avaliar e planejar ações culturais para o fortalecimento do Território Piemonte do Paraguaçu foi realizado o 2º Encontro de Dirigentes Municipais de Cultura do Território, nesta quinta-feira (23), em Itaberaba. Na ocasião, foi apresentado o panorama dos Sistemas Municipais de Cultura, além de reforçarem a importância da criação da Câmara Temática de Cultura. Foram destacadas, ainda, a criação e a reativação das bandas de fanfarras e filarmônicas nos municípios do Piemonte.

Os presentes deliberaram a realização de cursos de formação para os novos conselheiros de Política Cultura de Itatim e Santa Terezinha, nos meses de agosto e setembro, pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA), através da representante territorial; o agendamento de visitas aos municípios para orientação na elaboração das leis do Sistemas e Planos de Cultura; a marcação do próximo Encontro de Dirigentes para o dia 27 de agosto, quando serão discutidas as pautas de apresentação do projeto Expocultura, a câmara de Cultura formada e já tendo a participação de membros nesse encontro e a  organização do Fórum Territorial de Cultura.

O Encontro contou com a presença da representante Territorial de Cultura do Piemonte do Paraguaçu, Neilde Cardoso; do representante da Associação Cultural de Bandas, Fanfarras e Filarmônicas da Bahia, Fredson; dos conselheiros de Política Cultural do município de Itaberaba, representando as linguagens artísticas, Fátima Araújo e Agamenon Mendes e o representante do poder público no Conselho, João Carlos; e de sete dirigentes de Cultura e três conselheiros municipais de Cultura, a saber: Isis Fraga Diretora de Cultura de Boa Vista do Tupim, Santro Lima de Ruy Barbosa, Hugo Brandão de Ibiquera, Mona Clara Mascarenhas de Itaberaba, Gilmair Nogueira de Itatim, Erivaldo Nogueira de Santa Terezinha e Vitor Silva de Rafael Jambeiro.

Dez municípios baianos presentes em ativação de Praça CEU

 
Praça CEU de Itaberaba atende a mais de 100 crianças (Foto: DinC/MinC)
 
 
Representantes de nove municípios do interior baiano visitaram, nessa quinta-feira (16), a Praça CEU (Centro de Artes e Esportes Unificados) de Itaberaba, localizada na região da Chapada Diamantina. O objetivo foi conhecer melhor o projeto e as atividades realizadas no local, que servirão de subsídio para a promoção de atividades similares em suas cidades. Estiveram presentes moradores de Barreiras, Camaçari, Irecê, Feira de Santana, Jacobina, Paulo Afonso, Porto Seguro, São Sebastião do Passé e Santo Antônio de Jesus.
 
Resultado de parceria entre os ministérios da Cultura (MinC), Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDA), Esporte (ME), Justiça (MJ) e do Trabalho e Emprego (MTE), as Praças CEUs integram, em um mesmo espaço, programas e ações culturais, práticas esportivas e de lazer, formação e qualificação para o mercado de trabalho, serviços socioassistenciais, políticas de prevenção à violência e de inclusão digital para promover a cidadania em territórios de alta vulnerabilidade social das cidades brasileiras.  
 
Durante a atividade, integrantes da equipe da Praça CEU de Itaberaba, que conta com 15 pessoas, relataram aos visitantes um pouco da experiência vivida no local. Eles falaram sobre as experiências bem-sucedidas, como a prestação de serviço à comunidade, e também sobre os desafios, como as dificuldades relativas à mobilização social, à segurança no espaço e à elaboração do estatuto e do regimento interno do centro, que foi concluído após ajuda de modelos fornecidos pelo MinC.
 
Os participantes também puderam conferir, durante a visita, a apresentação do grupo de balé de crianças e adolescentes, do grupo de hip hop e dos dois grupos de capoeira - todos utilizam a Praça CEU para aprendizagem e ensaios.
 
De acordo com a vice-prefeita de Itaberaba (BA), Maria José Novais, mais de 100 crianças têm participado das atividades promovidas pela Praça CEU da cidade. Além delas, mais de 100 mulheres fazem parte dos grupos de dança de lá e outras 200 pessoas participam do grupo de capoeira. Com seis meses de funcionamento, a Praça CEU Itaberaba também abre espaço para hip hop, oficinas de violão e de pintura. 
 
"Os moradores contam como esse espaço mudou a vida deles. Eles dizem: ‘antes eu ficava em casa, sem ter o que fazer'. Por isso, o sentimento que a comunidade deve ter com esse equipamento é o de pertencimento, porque os gestores passam e a comunidade fica", afirmou a prefeita. 
 
Participaram do evento a vice-prefeita de Itaberaba (BA), Maria José Novais, representando o prefeito João Almeida Mascarenhas Filho (PP); e as secretárias municipais Denize Mary Teles (Saúde), Jacielma Vieira Santos Silva (Educação) e Mona Clara Mendes Mascarenhas (Cultura), além da coordenadora da Praça CEU e membro do Grupo Gestor, Eliane de Souza Rodrigues Ramos; a representante territorial de Cultura da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, Neilde Rosa dos Santos Cardoso, a coordenadora geral de Mobilização Social e Gestão da Diretoria de Infraestrutura Cultural da Secretaria Executiva do Ministério da Cultura (DinC/MinC), Isadora Tami, e a assessora da Representação Regional do MinC - Bahia/Sergipe, Camila Cerreti.  
 
Ativação 
 
A ação dessa quinta-feira integra o 2º ciclo de ativações das Praças CEUs, atividade do MinC e parceiros que visa capacitar os gestores dessas praças e auxiliá-los na definição de estratégias de promoção do programa e integração com as equipes das unidades já em funcionamento.  
 
A programação da Diretoria de Infraestrutura Cultural do MinC para o 2º ciclo é a de realizar 12 encontros de formação regionais e um encontro nacional durante o ano de 2015. Além de Itaberaba, já foram realizados eventos em Anápolis (GO), Niterói (RJ) e Macapá (AP). O próximo será em 23 de julho, em Horizonte (CE). 
 
Camila Campanerut 
Assessoria de Comunicação 
Ministério da Cultura 
Com informações da Diretoria de Infraestrutura Cultural
 

BAHIA CRIATIVA REALIZA CURSO DE FORMAÇÃO DE PROJETOS CRIATIVOS E SUSTENTÁVEIS NO TERRITÓRIO PIEMONTE DO PARAGUAÇU

 

Entre os dias 09 e 11 de julho de 2015, no CETEO I, Itaberaba - BA, aconteceu o Curso de Formação em Projetos Criativos e Sustentáveis direcionados a aristas, produtores culturais, gestores e demais público interessado. O Curso foi ministrado por Flávia Paixão - Consultora em Gestão Empresarial. O curso foi dividido em 3 módulos: Elaboração de Projetos Culturais, Captação de Recursos e Prestação de Contas. Contou com a participação de artistas, produtores e gestores culturais dos municípios de Lajedinho, Ruy Barbosa, Itaberaba e Boa Vista do Tupim. 

 

 

 

Ministério da Cultura realizará Encontro Regional de Ativação dos CEU's da Bahia, em Itaberaba

 

O MINC realizará a ativação Regional dos CEUs da Bahia, a acontecer em Itaberaba, no próximo dia 16/07. Trata-se de uma atividade de capacitação realizada pelo MinC e ministérios parceiros do Programa, visando fortalecer a gestão compartilhada dos equipamentos e o trabalho em Redes regionais dessas praças CEUs.

Para a atividade em Itaberaba estão convidados as Praças CEUs do estado da Bahia, sendo 4 inauguradas e mais 3 com a obra física concluída, conforme lista abaixo.

 

CEUs do estado da Bahia

Regiao

UF

Município

Modelo

Inaugurados (08/06/2015)

Nordeste

BA

Alagoinhas

3000m²

não (obra concluída)

Nordeste

BA

Barreiras

3000m²

não

Nordeste

BA

Camaçari

3000m²

não

Nordeste

BA

Cruz das Almas

3000m²

não

Nordeste

BA

Dias d'Ávila

3000m²

não

Nordeste

BA

Euclides da Cunha

3000m²

sim

Nordeste

BA

Eunápolis

3000m²

não

Nordeste

BA

Feira de Santana

3000m²

não (obra concluída)

Nordeste

BA

Feira de Santana

3000m²

não

Nordeste

BA

Feira de Santana

7000m²

não

Nordeste

BA

Ilhéus

3000m²

não

Nordeste

BA

Irecê

3000m²

não (obra concluída)

Nordeste

BA

Itaberaba

3000m²

sim

Nordeste

BA

Itabuna

3000m²

sim

Nordeste

BA

Jacobina

3000m²

não

Nordeste

BA

Juazeiro

3000m²

não

Nordeste

BA

Lauro de Freitas

3000m²

não

Nordeste

BA

Luís Eduardo Magalhães

3000m²

sim

Nordeste

BA

Paulo Afonso

3000m²

não

Nordeste

BA

Porto Seguro

3000m²

Não (obra concluída)

Nordeste

BA

Salvador

3000m²

não

Nordeste

BA

Salvador

3000m²

não

Nordeste

BA

Salvador

7000m²

não

Nordeste

BA

Santo Antônio de Jesus

3000m²

não

Nordeste

BA

São Sebastião do Passé

3000m²

não

Nordeste

BA

Serrinha

3000m²

não

Nordeste

BA

Vitória da Conquista

3000m²

não

 

 

 

 

UFBA e MINC realizam Encontros Regionais com concluíntes da Formação dos Planos Municipais de Cultura 

 

Está finalizando a Formação para a Elaboração de Planos Municipais de Cultura, realizada em ambiente de aprendizagem à distância entre setembro/2014 e maio/2015, numa parceria da Escola de Administração da Universidade Federal da Bahia (EAUFBA) com a Secretaria de Articulação Institucional do Ministério da Cultura (MINC). Nesta etapa final, são convidados os representantes do poder público e/ou da sociedade civil do seu município para participarem de um encontro presencial na Representação do Ministério da Cultura da sua região, com os objetivos de: elucidar dúvidas e estimular a continuidade do trabalho; avaliar o projeto em todas as suas etapas, com vistas ao seu aperfeiçoamento; e orientar sobre os passos seguintes, necessários para o reconhecimento legal dos PMC’s. 

Esses encontros Regionais MINC serão realizados nos seguintes locais e datas: 

 Regional CENTRO-OESTE - Brasília -15 e 16 de junho  Regional MINAS GERAIS - Belo Horizonte - 18 e 19 de junho  Regional RIO - Rio de Janeiro - 30 de junho e 1° de julho  Regional SÃO PAULO - São Paulo - 30 de junho e 1° de julho  Regional NORTE - Belém (Videoconferência) - 07 de julho  Regional SUL - Porto Alegre - 06 e 07 de julho Curitiba - 09 e 10 de julho  Regional BAHIA – Salvador - 09 e 10 de julho  Regional NORDESTE – Recife - 13 e 14 de julho São Luiz – 16 e 17 de julho

Os encontros, exceto a videoconferência, deverão se desenvolver ao longo de dois dias, com a seguinte dinâmica:

1° dia - 9 horas - Roda de Conversa UFBA – sobre o desenvolvimento do projeto REGIONAL MINC – sobre apoios e projetos do MINC /Sistemas de Cultura MUNICÍPIOS – sobre o estágio atual de desenvolvimento do PMC (por município) 14h - Levantamento de dúvidas (revisão passo a passo) 

2° dia - 8h - Levantamento de dúvidas (revisão passo a passo) 11h - Próximos passos do PMC 14h às 17h - Avaliação do projeto (todas as etapas/moodle e template) - Pactuação de monitoramento até dezembro/2015.

Blog

Visite nossas páginas

15/09/2013 15:46
http://culturabahia.com/ http://piemontedoparaguassu.blogspot.com.br/ http://www.cultura.ba.gov.br/ http://www.cultura.gov.br/ http://www.cultura.gov.br/3cnc http://www.ipac.ba.gov.br/ http://www.funceb.ba.gov.br/ http://www.pelourinho.ba.gov.br/

Notícias

Curso de Formação para Conselheiros de Políticas Culturais em Itatim

17/09/2015 08:00

Curso de Formação para Conselheiros de Políticas Culturais em Santa Terezinha

15/09/2015 00:00

Oficina de Orientação sobre o Edital de Dinamização de Espaços Culturais

14/09/2015 08:54

Ativação Regional dos CEUs da Bahia,

16/07/2015 08:35
Trata-se de uma atividade de capacitação realizada pelo MinC e ministérios parceiros do Programa,...

Encontro Regional do MINC com Concluíntes do Curso de Formação em elaboração dos Planos Municipais de Cultura

09/07/2015 08:45

Curso de Formação em Projetos Criativos e Sustentáveis - Bahia Criativa

09/07/2015 08:04

Projeto PopuRural II - É comento de Encontro no Assentamento Poço Longe em Ruy Barbosa

05/06/2015 09:05

Escuta do PPA Estadual

14/04/2015 08:00
no dia 14/4 acontecerá a Escuta do PPA do Estadual da Bahia 2016-2019, no TI Piemonte do...

Curso de Música

12/09/2014 16:00
Útimo final de semana e Conclusão do Curso de Música em Itaberaba. 

Encontro de Políticas e Gestão Culturais

09/09/2014 08:00
Vão até 30 de agosto as inscrições para o Encontro de Política e Gestão Culturais, que será...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>